Mãe-nutricionista. E agora?

maio 16, 2016 0 comments 661 Visualizações
mãe-nutricionista

Eu me chamo Rita e sou Nutricionista. Há 15 anos leciono Nutrição, e nos últimos 6, sou docente do curso de Nutrição da Universidade Federal de Minas Gerais. Nesses anos tive muitos desafios profissionais mas, aqui nesse espaço, escreverei sobre o meu maior desafio: ser mãe da Sofia, hoje com 4 anos, e ao mesmo tempo, mãe-nutricionista.

Sofia veio para me provar que toda minha bagagem técnico-científica em muitas vezes (melhor dizer, em grande parte das vezes) não se aplica na diária tarefa de moldar os bons hábitos alimentares.

No início eu acreditava que seria perfeitamente tranquilo aplicar a teoria na prática. Mas, o que eu ignorava (na realidade, queria esquecer para facilitar a tarefa) era o fato de que comer não é apenas o ato de ingerir alimentos, e sim uma soma de preferências, sensações, emoções, sabores, sentimentos. E para a criança não é diferente. É um mundo novo, são descobertas de texturas e significados.

E para nós, mães e pais, é um desafio que nos transforma em malabaristas e formuladores de estratégias (muitas vezes surreais!) na tentativa de fazer nossos filhos comerem de forma saudável.

Periodicamente compartilharei a saga da construção dos hábitos alimentares, que considero saudáveis, da Sofia, e refletir com vocês o que podemos fazer para formar futuros adultos mais conscientes de suas escolhas alimentares.

Por Rita Ribeiro

Clique aqui e faça sua inscrição no curso “Vou ser Pai. E agora?” um curso invoador com dias e informações para o Pai de Primeira Viagem.