Aprenda a criar uma rotina para recém-nascidos (e pais!)

março 27, 2017 0 comments 5601 Visualizações
criar uma rotina para recém-nascidos

Com os olhos brilhando de emoção, a sua esposa ou companheira diz que “você vai ser papai”. É uma das mais lindas notícias do mundo. Aí você respira fundo, enxuga uma lágrima e ela completa: “As coisas mudarão”. E como! É hora de pensar em criar uma rotina para recém-nascidos.

Sem drama e como muito amor, encare a verdade: a chegada de um bebê mudará profundamente a sua rotina. E não adianta reclamar. O melhor a fazer é se preparar para a chegada do pimpolho ou pimpolha. Pai que é pai não foge à luta! E aquele que é bem informado sai vitorioso.

Rotina para recém-nascidos e papais

O cotidiano do recém-nascido, como lembrou a mamãe, provocará alterações na vida da família. Comecemos pelas noites mal dormidas. Como definir quem socorre o rebento no meio da noite? Você saberá dizer onde guardou o calendário de vacinas?

A recomendação é começar com um planejamento, estabelecer seus “direitos” e, principalmente, seus deveres de pai presente.

Como estabelecer uma rotina para bebês recém-nascidos

Manter a ordem e a harmonia do lar é imprescindível. Aí vão algumas orientações!

  1. Amamentação: livre até a ida ao pediatra. Depois, de duas em duas horas, salvo se a mamãe tiver disponibilidade para mais.
  2. De manhã e no fim de tarde, um passeio faz bem para o bebê.
  3. Organize e deixe em local de fácil acesso fraldas limpas, lenços umedecidos e demais itens necessários para a higiene do neném.
  4. Dois banhos ao dia, a partir do momento em que a criança começar a fazer mais cocô.
  5. Ensine o recém-nascido quando é dia e quando é noite. Se ele quiser dormir durante o dia, que não seja no seu berço, e sim em um ambiente mais claro.
  6. Elabore e mantenha uma agenda de vacinas e visitas ao pediatra.
  7. Tenha uma pasta com todos os documentos e exames do seu filho.

Como papais de recém-nascidos podem ter uma boa rotina

Pai que é pai se apresenta e cumpre bem o seu papel. E sua participação pode ser ainda melhor. Anote:

  1. Acompanhe a mamãe nas consultas do pré-natal e no parto.
  2. Faça bom uso da sua licença-paternidade: a lei determina cinco dias. Para quem trabalha em uma empresa do programa Empresa Cidadã, do Governo Federal, a licença paternidade pode ser estendida para 20 dias. Para isso, é preciso participar de um curso sobre paternidade responsável e apresentar o certificado no RH.
  3. Troque as fraldas do bebê quando estiver em casa.
  4. Segure seu filho depois da amamentação e ajude-o a arrotar.
  5. Aprenda canções de ninar para acalmar o seu filho na hora de dormir;
  6. Envolva-se com as atividades diárias da casa.
  7. Dedique um pouco do seu tempo para passear e conversar com a criança;
  8. Procure dormir durante o sono do bebê.

Aprenda com quem entende de bebês

Se precisar de um suporte para aprender a viver esse novo momento da sua vida, a dica é o curso da Vou ser Pai. Além de você obter o certificado exigido pela lei (13.257/16 – Art. 38), você  entenderá como funciona o suporte de um pai de família para um recém-nascido. O curso oferece conhecimentos e dicas relativas aos cuidados essenciais com um bebê.

Gostou deste post? Quer saber mais sobre rotina para recém-nascidos e o que muda na sua rotina? Então, baixe o e-book “O bebê chegou: descubra como organizar a vida financeira dos pais”!

728x90 - Aprenda a criar uma rotina para recém-nascidos (e pais!)